TOTAL DE VISUALIZAÇÕES

sábado, 4 de maio de 2013

Rabo do Dragão - Vídeo


Fazendo uma limpeza em meus aquivos, encontrei um filme de minha primeira viagem ao Tail of the Dragon em outubro de 2011 onde fui comemorar meus 69 anos de idade.
Aluguei uma Harley Davidson Ultra Classic 2010 na HD de Staunton, em dois tons de grená, a quem dei o nome de Angelina em homenagem a uma das meninas do Photo.
 
 
 
Embora tenha ido com o Cyro para Charlottesville, fui sozinho para Deals Gap pois ele ficou curtindo a filha que iria viajar para a Africa do Sul. Já narrei esta viagem em outubro de 2011 (vide postagens antigas).  A viagem de Charlottesville (VA) a Cherokee (NC) através da Blue Ridge Parkway (cerca de 500 milhas) é qualquer coisa de sensacional e vou repetir sempre que tiver oportunidade, aliás repeti-a em maio de 2012.
 
 
 
De qualquer forma, acho interessante postar o vídeo pois ele dá uma idéia razoável do que é o Tail of the Dragon: um trecho da 129 na divisa entre a Carolina do Norte e o Tenessee , com cerca de 11 milhas e 318 curvas. A estrada é de mão dupla, estreita, sem acostamento, com curvas em sequência,  pequenas elevações  e transito aberto para carretas e moto-homes.  Deals Gap é onde se convencionou ser o ponto de partida para os "tiros". Tem um motel (barato e bem no meio da muvuca), um posto de gasolina, e um restaurante, além de um pátio enorme lotado de todos os tipos de motos. Nos finais de semana a quantidade de equipes que chegam com suas motos em reboques é impressionante. Mais impressionante ainda é a disposição dos pilotos que ficam subindo e descendo o Dragão o dia inteiro e não raro durante a noite.  



 
Como era minha primeira incursão adotei uma pilotagem cautelosa e conservadora mas tendo o cuidado de não atrapalhar ninguém. Lembrem-se de que eu  estava sózinho (se caio num daqueles valões e ninguém vê estaria lá até hoje), a moto era alugada e tinha uma multa de 5.000 dólares se eu desse PT na bichinha.  De qualquer forma valeu a pena pois motocicleta é igual a sexo: mesmo que não tenha sido uma maravilha sempre vale a pena.
 
Ao vídeo:
Postar um comentário