TOTAL DE VISUALIZAÇÕES

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

A MARCHA PARA O OESTE - Cody - Buffalo


   Cody (WY) - Buffalo (WY) 21 de agosto de 2013


Fiz um roteiro de de forma a passar por outra das mais recomendadas Scenics Highways que é a "Ten Sleep Canyon" (US 16). Foi ótimo pois peguei estradas secundárias e algumas totalmente desertas onde pude andar a 75 / 80 milhas sem problema, apenas num trecho pouco antes da Ten Sleep Canyon, havia obras e andei umas 3 milhas sobre aquelas pedrinhas soltas, lembrando muito o rípio na Argentina. Nunca ví a Helö rebolar tanto. No final a gente acostuma e acaba ficando fácil, basta jogar o peso do corpo nas pedaleiras pois com isso baixa-se o centro de gravidade, manter o olhar à frente e muita suavidade nas manobras, reduções e frenagens. O ideal é dar uma boa distancia para o carro que está a frente para evitar as pedrinhas nos para-lamas e às vezes no para-brisas além de se antecipar e evitar movimentos bruscos. Logo que saimos deste trecho a estrada permitu uma velocidade maior e rápidamente chegamos ao esperado Ten Sleep. Tudo o que disseram da estrada se confirmou: visual belíssimo, asfalto perfeito e traçado que de monotonia não tem nada. Curvas, muitas curvas, de todos os tipos ee em aclive nosmlevando ao alto da montanha. Depois, embora mais suaves no seu angulo, curvas de media e alta velocidade em declive. Quando termina a Ten Sleep dá vontade de voltar mas ainda temos umas 45 milhas até Cody, a terra de Buffalo Bill.



 

 


 
Quase chegando ao topo tem um "overlook", uma espécide de mirante, que de tão inclinado voce tem que manter a moto engrenada pois se ela cair voce não conta com ajuda de ninguëm já que a estrada tem pouquíssimo movimento em dias de semana pelo menos. Mas vale o risco pois a vista é muito bonita em todas as direções.



 
Uma viagem tranquila, com pouco transito, estrada que dá um enorme prazer em pilotar e melhor ainda foi chegar em Buffalo e ver o chalé que reservei: uma cabana de toras de madeira com todo o conforto. Além de tudo baratíssimo, 45 obamas.
 


 

 
Postar um comentário